industria-portugal.com
EPLAN

Destacar facilmente o potencial da criação de valor

Estado pretendido/atual determinado numa questão de minutos

Destacar facilmente o potencial da criação de valor

Como pode a cadeia de valor ser otimizada especificamente para a construção de painéis? Qual é a opinião das empresas em relação aos métodos de trabalho informatizados e automatizados disponíveis atualmente? A EPLAN apresenta a "Panel Building Automation Matrix" (PAM). Este produto é baseado num estudo de campo de 150 empresas, incluindo estudos de caso definidos. Os consultores da EPLAN usam a PAM para analisar o estado atual individual de processos específicos de clientes em termos de construção de painéis em apenas alguns minutos. Uma comparação com um termo de referência revela um potencial de poupança específico que pode ser implementado simultaneamente pela EPLAN e pela Rittal na área da tecnologia, software e consultoria de máquinas.

Informatização ao longo de toda a cadeia de valor e consistência de dados em todos os processos e sistemas são os pré-requisitos para automatizar processos em engenharia de controlo e construção de painéis. No entanto, qual é o grau de informatização no setor? Onde é que ainda podemos encontrar potencial? Muitas empresas simplesmente não sabem por onde começar.

Métodos de trabalho analisados com recurso a termos de referência
A EPLAN pode ajudar nesta área: um novo método baseado em software recorre a um estudo de campo de 150 empresas de todo o mundo para determinar o potencial de otimização fácil de alcançar em estreita cooperação com a EPLAN e a Rittal no que diz respeito a máquinas, software e consultoria. Um efeito complementar bem-vindo desta implementação é um grau mais elevado de informatização na produção e a automação de tarefas repetitivas. "A Panel Building Automation Matrix (PAM) é uma ferramenta que desenvolvemos para analisar os métodos de trabalho das empresas em termos de engenharia de controlo e construção de painéis bastando praticamente premir um botão que mostra potencial não aproveitado em processos de produção", informa Haluk Menderes, diretor-geral da EPLAN.

A PAM permite analisar e avaliar o fluxo de trabalho atual de armários de controlo elétrico de produção no que se refere à rentabilidade e à eficiência. A avaliação inclui recomendações para otimização e a respetiva implementação e os investimentos necessários. Um elemento interessante para os clientes são listas de poupanças de tempo exatas em diversas áreas do fluxo de trabalho, incluindo cablagem, etiquetagem de dispositivos e produção NC. Uma análise do retorno sobre o investimento fornece informações sobre, por exemplo, quando um investimento em software se paga a si próprio.

Destacar facilmente o potencial da criação de valor
Haluk Menderes.jpg: "A Panel Building Automation Matrix (PAM) é uma ferramenta que desenvolvemos que analisa os métodos de trabalho das empresas em termos de engenharia de controlo e construção de painéis bastando praticamente premir um botão e mostra potencial não aproveitado em processos de produção", informa Haluk Menderes, diretor-geral da EPLAN.


Aconselhamento profissional - resultados válidos

A EPLAN utiliza a PAM a nível global desde o início de maio de 2019 e o feedback dos primeiros clientes nos EUA é empolgante. "Com a PAM, a EPLAN combinou as suas décadas de experiência na construção de painéis num plano de retorno sobre o investimento viável e personalizado para a nossa oficina", declara Wright Sullivan, presidente da A&E Engineering.
Jacob Wilson, diretor de engenharia, vendas e desenvolvimento da Design Ready Controls, afirma: "A PAM conseguiu reproduzir fielmente as nossas operações e tempos de produção atuais após uma avaliação de apenas vinte minutos." Naturalmente, isto motiva a EPLAN e a Rittal a acrescentar futuramente etapas de processo adicionais à análise. Os planos incluem a integração de ferramentas de software adicionais da Rittal - bem como uma revisão do retorno sobre o investimento para adquirir o novo Rittal Wire Terminal para automação de cablagens, por exemplo, ou o centro de maquinagem totalmente automático Perforex. A análise da PAM é realizada pelo departamento de vendas, é naturalmente gratuito e não depende da compra de produtos EPLAN ou Rittal.

Estudo demonstra: cablagem digital em vez de manual

O tempo de que um eletricista necessita em média para instalar uma ligação elétrica a partir do respetivo esquema na forma de ligação física no armário de controlo é de 4,5 minutos. Cerca de 31% do tempo necessário é dedicado a tarefas puramente preparatórias, incluindo a leitura de esquemas e a localização de origens e destinos. 13% do tempo de trabalho é investido na preparação de cabos, nomeadamente a estimar o comprimento dos mesmos. Os restantes 56% do tempo são dedicados às ligações propriamente ditas: corte dos cabos com o comprimento necessário, instalação de terminais, crivação, encaminhamento. (1) O facto de os eletricistas terem de consultar os esquemas diversas vezes durante o processo de cablagem para obterem as informações necessárias e complementá-las se necessário é mais a regra do que a exceção. Isto resulta na perda de cerca de um terço do tempo de trabalho na leitura e interpretação especializada dos documentos. Na verdade, isto pode ser feito muito mais facilmente - digitalmente, por exemplo! O sistema de eleição para isto é o EPLAN Smart Wiring, no qual os dados são baseados num protótipo digital já verificado que, por isso, apenas permite resultados corretos.

Destacar facilmente o potencial da criação de valor
Integrated Value Chain.jpg: atualmente, os processos da engenharia de controlo e da construção de painéis têm que ser tornados mais rápidos, mais económicos e mais exatos. A EPLAN e a Rittal têm as soluções.


O objetivo declarado: processos integrados
Através da associação de engenharia e produção, a EPLAN e a Rittal criam combinações harmoniosamente coordenadas de soluções de software, tecnologia de sistemas, máquinas e serviços. O valor acrescentado é obvio: as soluções integradas também permitem, entre outros, aumentos integrados de produtividade e eficiência em processos de produção de produtos. Para isso, são integrados, por um lado, a engenharia e o design e, por outro, a preparação do trabalho e a produção de modo a formar um processo contínuo. Dados digitais de dispositivos, ferramentas baseadas em software e interfaces padronizadas na produção são os pré-requisitos para a concretização.

Destacar facilmente o potencial da criação de valor
Schaltschrank.jpg: a complexidade cada vez maior da tecnologia de controlo e dos respetivos componentes, as pretensões de personalização dos clientes, as normas nacionais e internacionais, as alterações de última hora e os prazos de entrega cada vez mais apertados está a colocar uma enorme pressão em termos de custos na construção de painéis.


Antecedentes:

A complexidade cada vez maior da tecnologia de controlo e dos respetivos componentes, as pretensões de personalização dos clientes, as normas nacionais e internacionais, as alterações de última hora e os prazos de entrega cada vez mais apertados estão a colocar uma enorme pressão em termos de custos na construção de painéis. Ao invés de um futuro assente em pastas de ficheiros com listas de equipamento operacional, planos de instalação e esquemas que constituem os documentos centrais para a produção, os processos que criam valor na engenharia de controlo e construção de painéis têm que ser tornados mais rápidos, mais económicos e mais exatos. Isto exige uma mudança de paradigma neste setor que, de um modo geral, se tem mantido preso à tradição. Não obstante, as empresas têm vindo a reconhecer que o maior potencial para se destacarem da concorrência e criarem argumentos de venda exclusivos está no design personalizado das suas cadeias de valor.

  Peça mais informações…

LinkedIn
Pinterest

Junte-se aos mais de 15 mil seguidores do IMP