Tecnologia de acionamento descentralizado para as fábricas digitais do futuro

2019-06-05
O futuro da produção é modular, flexível e autónomo. Isso exige novos sistemas com inteligência descentralizada e com capacidade para lidar com a complexidade crescente dos processos. A NORD DRIVESYSTEMS fornece uma vasta seleção de tecnologias de acionamento descentralizado com inversores de frequência que podem ser adaptados a qualquer aplicação e integrados de modo flexível nas fábricas.

As unidades de acionamento descentralizado da NORD DRIVESYSTEMS podem ser integradas de modo flexível em fábricas

Os inversores de frequência descentralizados oferecem inúmeras vantagens: permitem economizar espaço em armários de controlo, reduzir custos com cabos e fios, simplificar a manutenção e, consequentemente, aumentar a eficiência de todo o sistema de acionamento onde são integrados. Com a sua ampla gama de produtos modulares para eletrónica de acionamento descentralizado, a NORD DRIVESYSTEMS abrange praticamente todos os requisitos e aplicações. Os componentes de acionamento apresentam uma potência de até 22 kW e um CLP integrado de série para permitir um alto nível de funcionalidades plug-in. Podem ser configurados livremente para que se adaptem a qualquer aplicação. As tecnologias de acionamento descentralizado da NORD podem ser integradas em todas as arquiteturas de automação e reduzem significativamente os custos de design das fábricas.



Os acionamentos inteligentes e ligados em rede da NORD permitem a monitorização contínua de estados e, por isso, constituem a base para manutenção preditiva

A NORD tem as unidades de acionamento do futuro
As unidades de acionamento da NORD são ligadas em rede, autónomas e dimensionáveis, o que significa que satisfazem todas as condições necessárias para integração em arquiteturas da Indústria 4.0. O CLP integrado nos inversores tem capacidade para reduzir a carga no sistema de controlo de nível superior e assumir tarefas de controlo independentes. Isto permite implementar grupos de produção e células de produção autónomos em fábricas. Os CLP de programação livre processam os dados de sensores e atuadores e têm capacidade para iniciar sequências de controlo, bem como para comunicar dados de acionamentos e aplicações para uma central de controlo, componentes ligados em rede ou armazenamento na nuvem. Isto permite a monitorização contínua de estados e, por isso, constitui a base para conceitos de manutenção preditiva, bem como para o dimensionamento ideal das fábricas.



A série de distribuidores de campo NORDAC LINK inclui inversores de frequência com potências de até 7,5 kW e motores de arranque de até 3 kW para uma instalação flexível junto ao motor

NORDAC LINK: a solução variável para todos os requisitos
Este controlo de acionamento para instalação flexível descentralizada está disponível como inversor de frequência (até 7,5 kW) ou motor de arranque (até 3 kW) e tem tudo o que é necessário para uma colocação em funcionamento rápida e um funcionamento e manutenção simples. Com a série NORDAC LINK, todas as ligações são efetuadas com conectores simples. Além de dispor de elevada capacidade de ligação de componentes, interruptores integrados para manutenção e interruptores para funcionamento manual garantem uma enorme facilidade de utilização.


Graças às suas funções dimensionáveis, o inversor de frequência descentralizado NORDAC FLEX pode ser adaptado a qualquer aplicação do cliente

NORDAC FLEX: máximo de flexibilidade

Instalação flexível, manutenção simples: com potências de até 22 kW e a sua ampla variedade de funções e acessórios, o inversor NORDAC FLEX é o inversor mais flexível da NORD. Com transferência simples de parâmetros através de memória EEPROM, a instalação e a manutenção são rápidas e fiáveis.

Graças à sua estrutura modular, os inversores da NORD podem ser facilmente ampliados e permitem uma impressionante diversidade de cenários para utilização em redes de automação da Indústria 4.0. As suas áreas de aplicação vão desde tecnologia de sistemas de transporte e intralogística até tarefas de acionamento nos setores de embalamento e alimentar, bem como aplicações de bombeamento e engenharia mecânica geral.